A minha fotografia
Nome:

M. Eugénia Prata Pinheiro

quarta-feira, outubro 15, 2008

Sucesso, pois.

Andando eu a tentar perceber o que se está a passar, comecei a encontrar umas pontas para pegar no assunto. Partilho os meus "pensamentos".

Tudo se afunda nesta economia de faz de conta. Bolsas, empresas, banquinhos, bancos, bancos centrais, tesouros públicos...

Alguma coisa tem de equilibrar o deve e o haver. Sucesso escolar, sempre a subir o sucesso escolar, também faz de conta, mas a subir.

Vamos lá pôr as metas bem para cima, nos noventa, noventa e cinco ou mesmo cem por cento de sucesso.

Só nós, os professores, é que podemos fabricar notas. A banca, já muito rota, não fabrica e o dinheiro virtual, feito pelo clicar de um botão, esfumou-se. E tal como as outras notas (euros, dólares, ienes) já não têm correspondência ao ouro, também as nossas não precisam de corresponder a aprendizagens.

É por isto, caros professores, que nos andam a impedir de dar as nossas aulas (ninguém lá das hierarquias está preocupado com o que os alunos aprendem ou não aprendem) e nos exigem que fabriquemos notas. E se fabricarmos muitas notas altas o nosso sucesso fica também garantido.

Acho que é isto.




0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home