A minha fotografia
Nome:

M. Eugénia Prata Pinheiro

sexta-feira, setembro 03, 2010

Casa Pia

Alguns crimes provados.

Abusadores condenados

18 anos para Carlos Silvino; 7 anos para Carlos Cruz; 7 anos para Ferreira Diniz; 6 anos e 8 meses para Jorge Ritto; 6 anos e 2 meses para Hugo Marçal; para Manuel Abrantes 5 anos e 9 meses. Algumas indemnizações (ridículas) para as vítimas. Gertrudes Nunes absolvida graças às alterações à lei feitas em 2007.

Carlos Cruz não conhece, não foi, não viu, não sabe, não fez. Lembrei-me daquele sósia do homem que a Inês Serra Lopes, diretora do Independente quando o processo arrancou, e filha de um dos advogados de Carlos Cruz, arranjou para incriminar na sua vez. Volta sósia. Uma tristeza a conferência de imprensa.

As declarações de Abrantes significam que parte agora para a vingança directa contra as vítimas?

Percebe-se que muitos crimes e criminosos ficaram encobertos.

Percebe-se a responsabilidade da instituição Casa Pia. Não se percebe é que ainda esteja a funcionar.

As vítimas ter-se-ão sentido um pouco mais libertas do pesadelo que viveram.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home