A minha fotografia
Nome:

M. Eugénia Prata Pinheiro

quarta-feira, julho 14, 2010

Racismo de esquerda - Eduardo Cintra Torres no "Público"


Os desacatos na praia do Tamariz, Estoril, no fim-de-semana originaram esta resposta policial no dia seguinte (05/07): a PSP encostou uma dezena de miúdos pretos à parede, ameaçou-os e revistou-os - com uma câmara de televisão.

O polícia gritou para os negros e para a câmara da RTP: "A partir de hoje, a partir deste momento, vocês vão estar controlados na praia. Por isso é que estão aqui a ser revistados. Tolerância zero! Não vai haver mais desacatos na praia do Tamariz. Perceberam?!"

Esta dissuasão a posteriori foi propositadamente mediática, uma versão reality dum qualquer filme americano passado na era pré-Martin Luther King. Impressiona porque, mesmo que na origem dos desacatos estivessem negros, não há qualquer razão para a polícia, a mando do Governo, fazer um espectáculo televisivo de gritante carácter rácico.

António Filipe, do PCP, tinha dito nesse dia à SIC que na área da segurança pública "este Governo aposta sobretudo em operações propagandísticas". Mal sabia o deputado que, nessa noite, o Telejornal da RTP, e apenas o Telejornal, mostraria a acção antipretos da PSP. Nem a SIC nem a TVI mostraram imagens da propaganda montada pela PSP, que depende do ministro da Administração Interna. A operação pareceu um filme preparado em exclusivo para a TV do Estado.

Desde que o Governo perdeu a maioria absoluta, a sua estratégia informativa, tal como se transfigura em notícias na RTP, alterou-se. Da arrogância brutal das intervenções do núcleo duro (Sócrates, Santos Silva, Silva Pereira) antes das eleições passou-se a uma estratégia de gestão de danos. A central de propaganda está muito atenta a todos os acontecimentos que possam desestabilizar a opinião pública e reage de imediato. Os noticiários da RTP às 13h e às 20h espelham essa estratégia. O que vemos quase sempre já inclui a resposta do Governo a qualquer acusação de sindicatos ou partidos, a qualquer evento ou até a um desacato na praia. Vendo-se os noticiários da SIC e da TVI fica-se com uma visão mais próxima do equilíbrio entre as forças políticas em presença; vendo-se os noticiários da RTP, fica-se a achar que o Governo controla sempre as situações, tem sempre a última palavra, que já está a agir, já respondeu a acusações, etc. A RTP quase não dá informações que o Governo considere negativas sem incluir também na abertura e/ou fecho de cada uma dessas notícias a resposta do Governo.

Este caso concreto do "racismo de esquerda", destinado a mostrar o Governo controlando a segurança pública, é apenas mais um entre centenas - ou já serão milhares - de notícias na RTP desde Outubro que espelham essa estratégia finíssima em que a central de propaganda do Governo revela uma eficácia impressionante.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home